Sábado, 5

19h

Inauguração da exposição de pintura de Carmen Q.

Retratos de indígenas

Entrada livre

 

Domingo, 6

11:00 às 17:00h

Feirinha da Primavera


As nossas feirinhas são eventos interculturais que contam com a participação das várias comunidades que residem em São Brás
de Alportel e arredores e encontram nestes eventos a oportunidade de dar a conhecer as suas tradições e habilidades. Petiscos
ucranianos, doces da Pérsia, postais pintados à mão por artistas ingleses, pão alemão entre arte e artesanato português.
Haverá artigos para todos os gostos desde vários tipos de pão, compotas, bolos chás, sal, azeite aromatizado, artesanato
tradicional e contemporâneo, cerâmicas, peças de moda de design exclusivo e muito mais. Como habitual haverá angariação de fundos para os animais abandonados em São Brás de Alportel.
Convidamos todos a virem passar um dia muito agradável nos jardins do Museu!
A entrada é livre.

Gostaria de participar? Inscrições abertas até dia 30 de Abril de 2018!                         

 

Terça, 8

14:30

Palestra de arqueologia Dr. Paul Breeze – "Quando o Sara  e a Arábia eram verdes – como as alterações climáticas pré-históricas influenciaram os movimentos e cultura humanos nos desertos do Médio Oriente."

6 € (Non-members of AAA)

 

Sexta, 11

21:30h

Cuba Libre

Noite de dança com música ao vivo com a banda Cuba Libre.

Uma oportunidade para ouvir e dançar os ritmos latinos.

 

Domingo, 13

15h

Baile da Assembleia

 

Quinta, 17

Sexta, 18

Sábado, 19

19h

Musical solidário por Grupo de teatro Angels

Os fundos angariados revertem para os Bombeiros Voluntários de São Brás de Alportel

 

Domingo, 20

17:00

“Dick Oats Tribute”

10 € (Amigos 8 €)

 

Sexta, 25

19h

Inauguração da exposição de fotografia, por Grupo de Fotógrafos do Algarve

Tema: "antigo"

 

 

Sábado, 26

18h

 

Música árabe, sefardita e medieval galaico-portuguesa

Concerto música de três Culturas Árabe, Sefardita e Medieval Galaico-Portuguesa

Eduardo Ramos voz, alaúde árabe, flauta de bambu e Tiago Rêgo percussão, darbuka e bendir. Poesia e Música Galaico-Portuguesa, Judia-Sefardita e Árabe do séc. XIII a XVI.

Eduardo Ramos é cantor, compositor e executante do Alaude Árabe, tocando também Viola, Flauta, Gambry de Marrocos e Zukra da Tunísia. Músico autodidacta e Multi-instrumentista. Tem 10 discos gravados e feito Concertos em Portugal, Bélgica, Malta, Alemanha, Bulgária, Itália, Espanha e Marrocos no “Festival Internacional Des Cordes Pincées” em Rabat e no “Festival Portuguesa, Música Árabe, Cantigas Sefarditas, Cantigas Portuguesas Tradicionais e Músicas de sua própria autoria.

 

Domingo, 27

21h

Noite de Fado

 

Serviço de bar 20:30

4 € (Amigos 3 €)